Unidos de Padre Miguel tem novo Carnavalesco

Edson PereiraVice-campeã da Série A no carnaval de 2020, a Unidos de Padre Miguel já definiu o seu novo carnavalesco para 2021. Trata-se do renomado carnavalesco, Edson Pereira.  Figura conhecida na Vila Vintém, Edson tem uma longa história com a comunidade e esta será sua nona passagem pela vermelha e branca da Zona Oeste.

Famoso por realizar desfiles grandiosos, o nome de Edson ficou marcado na Unidos por desfiles memoráveis como o de 2006, quando a escola foi campeã  do grupo C, com o enredo “Das lágrimas de Tupã, nasce o fruto divino: o Guaraná”, além dos carnavais de 2007 e 2008,  os anos de 2013,2014,2015,2016 e 2017 também foram inesquecíveis,  com destaque para os carnavais de 2015 com o enredo “O Cavaleiro Armorial Mandacariza o Carnaval”, em 2016 com “O Quinto dos Infernos” quando a escola foi vice-campeã e o carnaval de 2017, com o enredo “Ossain – O poder da cura”, quando a escola apresentou um desfile grandioso, mas um acidente com sua porta-bandeira tirou o título da agremiação.

– Foi com um enorme prazer que aceitei o convite da Unidos de Padre Miguel para assinar mais um projeto.  Diante do momento que estou vivendo no carnaval, só posso agradecer a esta escola por ter me projetado como artista plástico, por ter me feito ser reconhecido como carnavalesco. Estou muito feliz de estar voltando para este lugar que amo e já aviso para os que acham que faremos um “carnavalzinho”, podem ter certeza de que farei um trabalho com muito esmero, com muita força e com ainda mais garra – afirmou Edson.

Além da contratação do talentoso artista, a escola também contará com uma equipe de profissionais de ponta para auxiliar o carnavalesco no projeto para 2021. A comissão artística da UPM será composta por Sandro Gomes, assistente de carnavalesco, Lucas Abelha na criação, Flávio Magalhães na parte administrativa, William Costa, ateliê, além de Clark Mangabeira e Victor Marques com o trabalho de pesquisa.

Em breve a escola anunciará o seu enredo para o carnaval de 2021.

Daniel Collete é o novo intérprete da Unidos da Ponte para o Carnaval 2021

Daniel ColetteA Azul e Branco de São João de Meriti já tem uma nova voz para o Carnaval 2021. O intérprete Daniel Collete assume o cargo, liderando o carro de som da agremiação para o próximo desfile, na Marquês de Sapucaí

Como voz oficial, Daniel tem passagens pela Mocidade Alegre, X9 Paulistana, Dragões da Real, Leandro de Itaquera e Pérola Negra. Sua última atuação no Carnaval do Rio foi em 2019, pela Unidos de Bangu.

“Me sinto lisonjeado em estar no solo sagrado da Unidos da Ponte. Eu que fui criado na Beija-flor, do ladinho, sempre acompanhei essa escola  com esses sambas memoráveis. Estou muito feliz com a oportunidade, irei me doar para fazermos um grande Carnaval e levar a agremiação para as cabeças”, revelou Daniel

O cantor é nascido e criado no Rio de Janeiro. Já foi passista mirim da Beija-flor e diretor de Bateria com Mestre Odilon. Dirigiu os ritmistas da X9 Paulistana, Grande Rio e Inocentes de Belford Roxo, onde foi mestre.

Daniel Collete se junta ao Mestre de bateria Vitinho, aos carnavalescos Guilherme Diniz e Rodrigo Marques, ao trio de direção de Carnaval, formado por Burunga, Mauro Tito e Wallace Oliveira, além da dupla de harmonia Júlio César Caju e Cátia Cristina, formando assim o time, quase completo, da Unidos da Ponte para 2021.


Mestre Átila é o novo mestre de bateria da Em Cima da Hora

Mestre ÁtilaA Escola de Samba Em Cima da hora anunciou nessa quarta-feira o seu novo mestre de bateria, Mestre Átila, que teve passagens por diversas escolas é colecionador de diversos estandartes de ouro.

“Me sinto feliz em retornar ao carnaval me sinto um estudante que acabou de passar em um concurso. Estou aqui para somar e fortalecer o time da Em Cima da Hora, que considero a escola com patrimônio cultural onde passou tantos bambas do samba.
Uma honra trabalhar junto essa bateria e em conjunto com Mestre Wando, estamos com vários projetos para formar jovens ritmistas e fortalecer nossa bateria. “

Nino do Milênio será o intérprete oficial da Sossego em 2021

Nino do Milênio (1)O Acadêmicos do Sossego já tem uma nova voz para o Carnaval 2021. O intérprete Nino do Milênio chega à azul e branco de Niterói, para dar continuidade no projeto de reestruturação da agremiação.

Nino iniciou sua carreira na escola mirim Pimpolhos da Grande Rio, em 2005. Passou por grandes agremiações como Inocentes de Belford Roxo, Unidos de Bangu, entre outras, inclusive com passagens por dois carnavais, pelo Grupo Especial, no Paraíso  do Tuiuti.

“Chego nessa nova casa com o pé direito. Minha expectativa é fazer um grande trabalho e se Deus quiser trazer o título para a comunidade do Largo da Batalha”, revelou o intérprete.

Para o Carnaval 2021, a escola já anunciou o carnavalesco André Rodrigues e a renovação do Mestre de Bateria, Laion.

Wallace Oliveira reforça Direção de Carnaval da Unidos da Ponte

Wallace Oliveira, Burunga e Mauro TitoA Unidos da Ponte contratou Wallace Oliveira para  reforçar sua direção de Carnaval. O profissional se junta a Burunga e Mauro Tito, para somarem forças aos trabalhos da agremiação.

Experiente no mundo do carnaval, Wallace tem passagens pelas escolas Em cima da Hora, Unidos de Bangu e Sossego. O novo diretor já chega com expectativa de levar a agremiação ao Grupo Especial.

“Minha expectativa é a melhor possível. A Unidos da Ponte é uma escola mega tradicional e ter a oportunidade de contribuir com a história da agremiação é algo que me motiva e traz uma vontade única de dedicação extrema ao pavilhão.”, revelou Wallace.

Para 2021, a Ponte já anunciou a renovação do Mestre Vitinho, além da contratação dos carnavalescos Guilherme Diniz e Rodrigo Marques, e Cátia Cristina e Júlio César Caju na Direção de Harmonia.

André Rodrigues é o novo carnavalesco do Acadêmicos do Sossego para 2021

André Rodrigues e o Presidente Hugo Jr (1)Após o belo desfile e um resultado superior ao de 2019, o Acadêmicos do Sossego quer mostrar ainda mais a sua potência no carnaval carioca. O carnavalesco André Rodrigues é o novo contratado para assumir os trabalhos de 2021. O jovem de 28 anos, chega estimulado a trabalhar com liberdade e parceria em um novo momento para a agremiação.

Apesar de novo, André possui uma vasta experiência na folia, tendo trabalhado com grandes nomes carnavalescos como Alexandre Louzada, Edson Pereira, Severo Luzardo, entre outros, além de diretores de carnaval como Wilsinho Alves e Moisés Carvalho. Todo aprendizado com a administração de um barracão fará diferença em seu projeto de tornar a escola ainda mais competitiva e imponente.

“Minhas passagens nas grandes escolas de samba me trouxeram bagagem de aprendizado com grandes carnavalescos que hoje são ídolos e professores, um ideal de relação no meio artístico. Todos os profissionais que trabalhei me ensinaram e continuam me ensinando a fazer um carnaval melhor para todos que o constroem”, revelou André

O Carnavalesco é o segundo nome confirmado pela agremiação na equipe de 2021. O Mestre de Bateria, Laion, teve seu contrato renovado e seguirá no comando da “Swing da Batalha”

Nota Oficial: Lierj paralisa suas atividades por conta da Covid-19

Em decorrência das medidas protetivas que vem sendo tomadas por conta da Covid-19, a diretoria da Lierj suspendeu todas as suas atividades administrativas durante os próximos 30 dias.
Além da preocupação com a manutenção da saúde de seus colaboradores e corpo diretivo, a Lierj orienta também as agremiações filiadas que suspendam seus calendários festivos durante o mesmo período.
A responsabilidade social e coletiva é uma das prioridades da Lierj neste momento delicado em que o planeta se encontra por conta da pandemia do Novo Coronavírus.

Edmilson Araujo é o novo coordenador de destaques da Em Cima da Hora

edmilson araujoO G.R.E.S. Em Cima da Hora tem um novo coordenador de destaques. Trata-se de Edmilson Araujo, que assume o cargo na azul e branca de Cavalcanti, visando um grande trabalho em 2021, no retorno da à Série A da Lierj na Marquês de Sapucaí.

Edmilson desfilou na Em Cima da Hora em 2014 e 2015 e teve passagens em outras escolas de samba como Unidos de Padre Miguel, Acadêmicos do Sossego e Alegria da Zona Sul.


Artista plástico Clécio Régis é o novo Carnavalesco a Unidos de Bangu

Presidente Thiago Oliveira e Carnavalesco Clécio RégisBuscando fortalecer sua equipe e valorizar as raízes de sua história, a Unidos de Bangu acertou com o renomado artista plástico Clécio Régis, que será o Carnavalesco da escola em 2021. Trabalhando por mais de 30 anos e formando mão de obra para o Carnaval, Clécio assinará seu primeiro trabalho na Marquês de Sapucaí, desenvolvendo o enredo da Vermelho e Branco da Zona Oeste no próximo ano.

Apaixonado pelo bairro da Zona Oeste, Clécio Régis criou diversas obras para enfeitar as ruas de Bangu com telas e painéis, além de criar um museu para valorizar e preservar o lugar que escolheu para viver e permanece há quase 40 anos.

– Em minha caminhada, prestei serviços à TV Globo como pintor e cenógrafo, paralelo ao Carnaval, onde participei de seis títulos da Imperatriz na equipe da minha madrinha Rosa Magalhães entre outros trabalhos de destaque. O desafio na história Unidos de Bangu será a realização de um sonho antigo e posso adiantar que o enredo terá uma profunda ligação com o bairro onde moro e trabalho – destacou Clécio.

Fundada em novembro de 1937, a Unidos de Bangu é o mais antigo pavilhão da Zona Oeste e depois de passar um período de dificuldades conquistou o retorno à Marquês de Sapucaí e vai para seu terceiro ano seguido na Série A da Lierj em 2021.


Rogerinho e Tiãozinho Luiz se juntam a Maderson Carvalho como intérpretes da Em Cima da Hora

ecdhA atual Vice-Campeã do Grupo Especial da Intendente Magalhães, Em Cima da Hora, contratou dois nomes de peso para comandarem o carro de som da escola na Marquês de Sapucaí. Rogerinho e Tiãozinho Luiz se juntarão a Maderson Carvalho, em busca do resgate de sua história.

Cria de Cavalcanti, Rogerinho começou sua trajetória no samba na Em Cima da Hora como ritmista, logo depois participou de disputas de samba e em 1996 assumiu o microfone principal da agremiação. Já Tiãozinho Cruz, cantou por três carnavais na escola de Cavalcanti, em 1999, 2000 e 2011.