Notícias

Porto da Pedra distribuirá quentinhas de feijoada no dia de São Jorge

20200422_144010A situação da população mais carente chama a atenção nesses tempos de pandemia do coronavírus. Sensibilizados com essa situação, a diretoria e presidência da Unidos do Porto da Pedra resolveram se organizar para distribuir quentinhas de feijoada, no próximo dia 23, data em que comemoramos o dia de São Jorge. A intenção é distribuir cerca de 100 quentinhas para as famílias mais necessitadas da nossa comunidade e também para moradores em situação de rua.

“As pessoas estão passando dificuldades em nosso município. Nesse momento de extrema dificuldade, percebemos que as pessoas nas ruas estão preocupadas em se alimentar. Por isso, tivemos a preocupação, nesse momento, de doar as quentinhas”. conta o presidente da Unidos do Porto da Pedra, Fábio Montibelo.

As quentinhas serão preparadas e arrumadas a partir das 10h da manhã, na quadra da agremiação (rua João Silva 84, Porto da Pedra). A partir do meio dia, componentes da harmonia do tigre sairão para a distribuição.

“No dia 23, dia de São Jorge, nós iremos servir a feijoada para os mais necessitados, que vivem nas ruas. Estamos desde o começo dessa quarentena formando uma corrente do bem. Pessoas da escola, nossos parentes, amigos, vizinhos, comerciantes estão nos ajudando com itens de alimentação e higiene para confeccionar as cestas básicas para a nossa comunidade, que é muito carente.”, disse Adiara Pereira, diretora do departamento feminino da Porto da Pedra.

A agremiação continua na campanha de arrecadação de alimentos e produtos de higiene pessoal e limpeza para a confecção de mais cestas básicas.

Fabricio Pires e Giovanna Justo formam o novo primeiro casal de Mestre-sala e Porta-bandeira da Sossego

Fabricio Pires e Giovanna JustoO primeiro pavilhão do Acadêmicos do Sossego já tem novos defensores. Fabricio Pires e Giovanna Justo formam o novo Casal de Mestre-sala e Porta-bandeira da azul e branco do Largo da Batalha. A dupla, que já dançava juntos há dois carnavais, chega para somar à família de Niterói em busca dos 40 pontos no quesito.

Giovanna já foi campeã no Grupo Especial e tem passagens pela Mangueira, Unidos da Tijuca, Vila Isabel, Viradouro, Tuiuti e  São Clemente. A porta-bandeira revelou que já se sente em casa. “Tenho alguns amigos na escola, já era um ‘namorinho’ e quando aconteceu a minha saída da agremiação que eu estava, acabou virando um casamento. Mal cheguei e já estou me sentindo em casa com o carinho que recebi.” – destacou Giovanna.

O mestre-sala tem passagens pela Caprichosos, Tradição, Cabuçu, Portela, Mocidade, Porto da Pedra e São Clemente. Fabricio chega otimista na nova agremiação e com muita garra. “Percebo um momento de assertividade na escola para fazê-la ainda maior. A expectativa é de um trabalho de qualidade. A comunidade é forte e se identifica com a escola. Isso nos proporcionará um ano leve e principalmente feliz” – revelou Fabricio.

A dupla é mais uma contratação de peso para a escola, que no Carnaval 2021 levará o enredo ‘Visões Xamânicas”, desenvolvido pelo carnavalesco André Rodrigues, para a Marquês de Sapucaí.

Estácio realiza ações sociais em combate ao coronavírus

IMG-20200415-WA0018A Estácio de Sá declarou guerra ao Coronavírus no dia 20 de março, quando decidiu colocar sua quadra à disposição dos órgãos públicos e demais entidades para combate à COVID-19. No dia 31 de março, na quadra do G.R.E.S. Estácio de Sá, foram distribuídas 80 cestas básicas para as famílias atendidas pelo projeto Reforço do Futuro, do Instituto Meta Educação. A agremiação disponibilizou o espaço para que fosse realizada a entrega das cestas.

“A responsabilidade de nossa agremiação com a comunidade é enorme, pois são eles que estão ao nosso lado em todos os momentos. Já houve entrega de cestas básicas em nossa quadra e, provavelmente, faremos mais uma distribuição de insumos como sabonete, luvas e máscaras. Em momentos difíceis como este, é a nossa vez de retribuir toda a dedicação deles conosco”, disse Leziário Nascimento, presidente da vermelha e branca do morro de São Carlos.

No dia 15 de abril, integrantes de alguns segmentos do Berço do Samba também realizaram a entrega de mais cestas básicas. Em paralelo às ações que acontecem na quadra, o ateliê da escola funciona a todo vapor na Cidade do Samba, com a confecção de máscaras e aventais, em parceria com a LIESA. No dia 18 de abril foi distribuída a primeira leva de máscaras de tecido, um total de 400.

Sossego levará as “Visões Xamânicas” para Sapucaí em 2021

Logo - Arte horizontalO Acadêmicos do Sossego aproveita o Dia do Índio para anunciar o seu enredo para o Carnaval 2021. No próximo ano a escola de Niterói levará “Visões Xamânicas” para a Marquês de Sapucaí. Desenvolvido pelo carnavalesco André Rodrigues, o tema traz uma saga épica imaginada entre o presente e futuro, com a narrativa inspirada em relatos de David Kopenawa o grande Xamã Yanonami.

O enredo abordará o fato em que a humanidade se encontra exatamente, onde grandes profecias xamânicas disseram que chegaríamos: no colapso do planeta provocado por um sistema de ambição e consumo. Consciente do seu papel cultural e social, a escola do Largo da Batalha abordará o contexto indígena para valorizar a natureza e fará a cidade cantar melodias de esperança e consciência para seu povo.

Há dois anos eu havia preparado um enredo sobre resistência indígena, eu já cultivava esse desejo de mostrar algo mais ligado às referencias culturais dos nossos povos tradicionais. Durante esse período um amigo historiador me recomendou a leitura do livro “A queda do céu”, uma narrativa da vida do Xamã Yanomami Davi Kopenawa, contando um pouco da cosmologia do seu povo“, revelou o carnavalesco André.

Partindo de uma reflexão sobre a sociedade e cultura de consumo e progresso que o homem não indígena construiu, o enredo sofreu alteração em meio à crise causada pela Pandemia da Covid-19. Atualmente não pensamos o que estamos construindo em sociedade e o porque de não conseguir entrar em harmonia com a natureza. Criamos muitas versões de futuro, mas olha onde estamos: presos em nossas casas sem conseguir interagir e “progredir”.

Carlos Ribeiro se junta a Otávio de Ébano na coordenação de destaques da Vigário Geral

DESTAQUESO Acadêmicos de Vigário Geral vem renovando com alguns segmentos e diretores, buscando a manutenção das raízes da agremiação, sem deixar fortalecer o time com algumas contratações pontuais. Para a coordenação de destaques, a Vigário conta agora com Carlos Ribeiro, que se junta a Otávio de Ébano, responsável pelos destaques de alegorias no Carnaval 2020.

Carlos Ribeiro exerce a mesma função da coirmã Portela e chega para somar no trabalho da Vigário Geral, que fará seu segundo desfile seguido na Série A da Lierj, na Marquês de Sapucaí, no Carnaval 2021.

Unidos da Ponte levará história da Santa Dulce dos Pobres para a Sapucaí em 2021

A Unidos da Ponte escolheu o dia em que os cristãos católicos celebram a ressurreição de Jesus Cristo, para anunciar seu enredo para o Carnaval 2021. No próximo ano, a Azul e Branco da Baixada Fluminense vai levar para a Marquês de Sapucaí a ‘Santa Dulce dos Pobres – O Anjo Bom da Bahia‘, tema de autoria dos carnavalescos Guilherme Diniz e Rodrigo Marques, que retornaram para a escola após o último carnaval.

Marcada por escolher temas ligados às religiões de matriz africana, a Unidos da Ponte resolveu apostar na história da religiosa nascida em Salvador, na Bahia, que dedicou sua vida à caridade e assistência aos pobres necessitados, sendo mais tarde canonizada, recebendo o título de Santa Dulce dos Pobres.

Guilherme Diniz explica como surgiu a proposta do enredo: “Tínhamos outros temas elaborados, mas achamos que pelo momento que vivemos a melhor opção seria homenagear este ser de luz”. A dupla confia num carnaval inesquecível, como destaca Rodrigo Marques: “Temos certeza que nossa comunidade vai abraçar o projeto e vamos emocionar a todos que estiverem na Marquês de Sapucaí”.

Apesar seu calendário de eventos suspenso, conforme orientação da Lierj, devido ao novo coronavírus, a Unidos da Ponte segue trabalhando forte em seus bastidores em busca do fortalecimento de sua equipe. Além dos carnavalescos Guilherme e Rodrigo Marques, a escola contratou o Intérprete Daniel Collete, o Diretor de Carnaval Wallace Oliveira, que se junta a Burunga e Mauro Tito, o Coreógrafo Valci Pelé, além dos Diretores de Harmonia Julio Cesar Caju e Cátia Cristina Sant’ana, e renovou com o Mestre Vitinho.

Iroko é o enredo da Unidos de Padre Miguel

Logo UPM 2021Com sua equipe completa para o próximo carnaval, a UPM apresenta seu enredo para 2021.

 “A Unidos de Padre Miguel ajoelha-se respeitosa aos pés de Iroko para,  emocionada e aguerrida, festejar o axé da Árvore-Orixá. Sob a sombra de seus galhos, é tempo de Xirê no terreiro sagrado do boi vermelho da Vila Vintém!”

O enredo será desenvolvido pelo carnavalesco Edson Pereira e já na próxima semana,  a escola apresentará sua sinopse.

Flávio Azevedo é novo diretor de carnaval da Em Cima da Hora

flavio azevedoVice-campeã do Grupo Especial da Intendente Magalhães no carnaval de 2020, a Em Cima da Hora segue montando seu time para 2021. A agremiação anunciou Flávio Azevedo, que será seu novo diretor de carnaval para o próximo ano.

– Estou muito feliz com a oportunidade e confiança depositada no meu trabalho , agradecer a diretoria pela confiança e que teremos um ano de muito trabalho dedicação e comprometimento pra que possamos fazer um grande carnaval e engrandecer ainda mais o nome da Em Cima da Hora – declarou Flávio.

Flávio Azevedo teve passagens por escolas como Alegria da Zona Sul, Paraíso do Tuiuti, Unidos de Padre Miguel e Renascer de Jacarepaguá.

Inocentes confecciona máscaras para distribuir com cestas básicas para a comunidade

Patrica PereiraMobilizada com a luta contra a propagação do coronavírus, a Inocentes de Belford Roxo, iniciou à produção de máscaras para serem distribuídas gratuitamente, a partir de 09 de abril. Neste primeiro momento estão sendo confeccionadas duas  mil unidades, sendo utilizados para confecção peças inteiras de TNT, tecidos de algodão e tricoline , que ainda estavam embaladas em plásticos e não foram usados no carnaval.

– Estamos passando por um momento muito sério em que está em risco a vida de milhares de pessoas e não podemos ficar de braços cruzados permitindo que essa doença se espalhe e contamine nossos familiares. Com a união de todos e a fé em Deus seremos capazes de combater esse mal. A Inocentes de Belford Roxo, hoje é o maior veículo de divulgação da cultura de nosso município. E como tal não pode ficar a margem dessa pandemia. Por isso estamos entrando de frente nessa guerra confeccionando máscaras e distribuiremos cestas básicas que foram doadas por amigos da nossa agremiação. Mas é importante que respeitemos a quarentena e que saiamos de casa o estritamente necessário. Se cada um fizer a sua parte sairemos vencedores – disse o presidente da Inocentes, Reginaldo Gomes.

As máscaras estão sendo feitas nos  ateliês de  Patricia Pereira e Vera Maria dos Anjos, no Centro de Belford Roxo, que foram previamente higienizados, antes do inicio do trabalho.

– Há muitos anos costuro fantasias para o carnaval e sei que quando as pessoas estão desfilando levam alegria para milhares de lares. Agora me vejo costurando para garantir a sobrevivência e impedir o covid-19. É muito bom usar meu dom em prol da sociedade. Estamos trabalhando num ritmo frenético contando com a ajuda de voluntários para atingir a meta de produção de 150 unidades por dia – falou a costureira da Inocentes, Patrícia Pereira.

As cestas serão entregues nas residências das pessoas que solicitaram ajuda a escola de samba. E as máscaras a integrantes da escola, instituições sociais, e em alguns bairros da cidade.

A quadra de ensaios da Inocentes, na Avenida Boulevard, 1741 – São Vicente está aberta no horário comercial para arrecadação de alimentos e materiais de higiene e limpeza.

Lins Imperial distribui mais de 300 cestas básicas para a comunidade

Foto: Ana Lúcia

Foto: Ana Lúcia

A Lins Imperial que em 2021 retornará a desfilar na Marquês de Sapucaí pela Série A, entrou na luta contra a fome e a miséria. Devido a atual situação que a população mundial enfrenta por conta da Pandemia do novo coronavírus, a agremiação abriu uma campanha de recebimento de alimentos não perecíveis e materiais de higiene em sua quadra para doar as famílias mais necessitadas residentes no Complexo do Lins.

 

A região da sede da agremiação é formada por um extenso complexo de favelas. Ao todo são doze comunidades. Várias famílias estão sem ter como trabalhar e consequentemente com dificuldade de comprar as necessidades básicas. Muitos moradores se encontram em situação de fome e de miséria.

 

A campanha “Lins Solidária” iniciou na última quarta-feira, 1° de abril, e já arrecadou mais de 300 cestas básicas e materiais de higiene. Quem estiver interessado em colaborar, a verde e rosa recebe donativos  de segunda a sexta de 9 às 20 horas na quadra da agremiação situada na rua Lins de Vasconcelos 623 (portão dos fundos – Rua Ernestina). Quem preferir, poderá entrar em contato com a diretora Ana Lucia através do telefone 21 96476-4779 e agendar um local para que a equipe da escola faça a retirada.

 

A escola em parceria com a coordenação de projetos sociais desenvolvidos no Complexo do Lins cataloga os moradores mais necessitados e faz a devida distribuição. O objetivo é que a entrega seja feita por todo período que durar a quarentena e se estenda para as famílias que ainda se encontrarem em situação de miséria após a passagem da Pandemia.